Select Page

O ministro da Justiça, Félix Braz, demonstra-se solidário para com as vítimas dos fogos em Portugal.

“Os meus pensamentos estão com as famílias e com os amigos do terrível número de vítimas em Pedrógão Grande, Portugal”, escreveu o ministro lusodescendente numa mensagem publicada hoje na rede social Twitter.

O último balanço feito este domingo, às 20:10 (horas do Luxemburgo), dá conta de 61 mortos e 62 feridos.

As chamas continuam fora de controlo. O incêndio tem quatro frentes ativas e está a ser combatido, numa luta sem tréguas, por cerca de 830 bombeiros.

Menos de 24 horas depois do início do incêndio em Pedrógão Grande, a Polícia Judiciária revelou que a causa do fogo deve-se a uma árvore que foi atingida por um raio durante uma trovoada seca.

Redação Latina

Relacionados

X