Select Page

O Orçamento de Estado (OE) para 2018 reforça o peso do ensino superior e da investigação científica, uma das prioridades do Governo luxemburguês, para o próximo ano.

O orçamento atribui cerca de 460 milhões de euros a estas duas áreas do conhecimento.

Deste montante, há 108 milhões (mais um milhão do que em 2017), destinados a bolsas de estudo, e 2,8 milhões orientados para a criação de um bacharelato em Medicina na Universidade do Luxemburgo.

A universidade vai receber 161 milhões de euros do total do orçamento para 2018.

Globalmente, as despesas do Estado com o ensino superior e a investigação aumentam 5,3%, em relação a 2017, e prevê-se um investimento público suplementar, nestas áreas, de 205 milhões de euros, até 2021, afirmou o ministro do Ensino Superior, Marc Hansen.

A indústria espacial é outra grande aposta do Governo, contemplada com 238 milhões de euros, para o período 2017/2021.

Redação Latina

Relacionados

X