Select Page

Portugal sagrou-se este sábado campeão europeu de hóquei em patins de sub-17, em Fanano, em Itália, ao vencer a Espanha, por 1-0, com um ‘golo de ouro’, e assegurou o seu 14.º título continental.

Em 2016, foram oito golos – um empate a quatro -, que levaram a decisão para prolongamento, onde a vitória sorriu à seleção espanhola. Desta feita, o nulo manteve-se no marcador até ao derradeiro apito do tempo regulamentar, para novo dramático prolongamento.

Ainda com a derrota da última edição na memória, Portugal viraria a página e garantiria o título com um golo ‘dourado’ de José Gonçalves, a pouco menos de minuto e meio do final da primeira parte do tempo extra e estava assegurado o 14.º título português em 37 edições da prova.

Portugal iniciou a partida da final com o guarda-redes Alejandro Edo e os jogadores de pista Gustavo Pato, Diogo Abreu, José Gonçalves (1 golo) e João Pedro Pereira, sendo também utilizados Diogo Barata e o guarda-redes Tiago Freitas.

Lucas Santos, Rodrigo Martins e Miguel Fortunato completam o lote dos novos campeões da Europa de hóquei em patins de sub-17.

Relacionados

X