Select Page

É um dos fugitivos mais procurados da Europa. Chama-se Cihan Guzel e foi condenado no Luxemburgo a 22 anos de prisão efetiva pelo ataque à empresa de segurança G4S em Gasperich, em 2013.

O homem, de 33 anos, com dupla nacionalidade belga e turca, que aguardava o fim do julgamento em liberdade, não se entregou à Justiça depois de conhecida a sentença, sem possibilidade de recurso, no passado mês de janeiro.

O assalto à mão armada à G4S aconteceu a 4 de abril de 2013. Os atacantes – dois estão a cumprir penas de 22 anos de prisão, em Schrassig – recorreram a explosivos para forçar a entrada na empresa, mas foram surpreendidos pela polícia, que frustrou o assalto.

Os homens, armados com metralhadoras Kalaschnikov, não hesitaram em disparar sobre os agentes e foram detidos após uma longa perseguição policial.

No apelo a testemunhas, lançado hoje pela polícia luxemburguesa, as autoridades indicam que Cihan Guzel viveu recentemente na vizinha Bélgica. Um mandado de captura europeu está em curso.

Toda a informação que possa conduzir ao paradeiro do fugitivo deve ser comunicada à polícia, através do número de telefone 113.

Redação Latina (Foto: polícia grã-ducal)

X